Caixa de Emails

Notícias

A APEL PARABENIZA SEUS APOSENTADOS PELA PASSAGEM DO DIA 24/01/2014

Dia_do_aposentado

O índice de reajuste para os segurados que recebem acima do mínimo é de 5,56% em 2014.
O teto previdenciário passa a ser de R$ 4.390,24.

O índice de reajuste para os benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) com valor acima do salário mínimo será de 5,56%. Os dados foram atualizados pelo INPC de 2013, medido pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O teto da Previdência Social para 2014 é de R$ 4.390,24. Portaria conjunta dos ministérios da Fazenda e da Previdência Social irá regulamentar esse reajuste na próxima semana.

Foram estabelecidas as novas alíquotas de contribuição do INSS dos trabalhadores empregados, domésticos e trabalhadores avulsos. As alíquotas são de 8% para aqueles que ganham até R$ 1.317,07; de 9% para quem ganha entre R$ 1.317,08 e R$ 2.195,12 e de 11% para os que ganham entre R$ 2.195,13 e R$ 4.390,24. Essas alíquotas – relativas aos salários pagos em janeiro – deverão ser recolhidas a partir de fevereiro.


O valor mínimo dos benefícios pagos pelo INSS – aposentadorias, auxílio-doença, auxílio-reclusão e pensão por morte, das aposentadorias dos aeronautas e das pensões especiais pagas às vítimas da síndrome da talidomida – será de R$ 724,00.


Fonte: Jornal Valor Econômico,
Edição de 21 de novembro de 2013
Página B2 - Caderno EMPRESAS

 

A participação expressiva da Eletrobras nos dois últimos leilões do setor elétrico vai muito além de uma possível diretriz política de seu acionista majoritário, o governo federal, para garantir o sucesso das licitações. A forte atuação da estatal, que arrematou, sozinha ou em parceria, metade dos lotes ofertados no último leilão de transmissão e 63,4% da capacidade negociada no leilão A-3, é uma necessidade urgente da empresa de ter novas receitas, após perder parte significativa do faturamento com a Medida Provisória nº 579, transformada na lei 12.783/2013 - da Prorrogação das Concessões.

A Eletros anunciou em 09/12/2013 o vencedor no processo eleitoral para escolha de seu próximo Diretor Financeiro. O candidato apoiado pela APEL, Luiz Guilherme Nobre Pinto, obteve 68,2% dos votos e assumirá o cargo, por três anos, em janeiro de 2014.

Eleição é sempre uma boa oportunidade para mobilizar os participantes e assistidos em torno das questões relativas à nossa Fundação. Mesmo que essa mobilização atinja apenas um pequeno número, como de modo geral acontece e se repetiu na presente eleição (1.771 votaram, isto é, 32,5% do total de habilitados a votar), ainda assim há um considerável ganho para os participantes e, principalmente, um fortalecimento institucional da Fundação. Cumprimentamos todos os candidatos que participaram da eleição e parabenizamos o eleito, desejando muito sucesso em sua gestão.


No dia 27 de setembro, a Eletros divulgou o Edital de Convocação para a eleição para o cargo de Diretor Financeiro da fundação.
A exemplo do que já ocorreu em eleições anteriores, interessados em disputar a eleição procuraram a APEL para apresentar suas qualificações e respectivas plataformas.
A partir da análise das qualificações e das propostas dos candidatos que se apresentaram, o Conselho Deliberativo e a Diretoria Executiva da APEL, em reunião conjunta, realizada em 15/10/2013, optaram, por unanimidade, recomendar o apoio ao candidato Luiz Guilherme de França Nobre Pinto, para quem, portanto, solicitamos o voto dos nossos associados.
A Eletros enviará a todos os participantes e assistidos o currículo e a plataforma dos candidatos. Para uma rápida referência, reproduzimos no verso um resumo das qualificações do Luiz Guilherme.
A votação será realizada entre os dias 29/11/2013 e 6/12/2013, por telefone ou pela internet.
Os que optarem por votar pelo telefone deverão ligar para o número 08002831676 e seguir as instruções da gravação.
Os que optarem por votar pela internet deverão acessar o endereço www.eletros.com.br
Seja por telefone, seja pela internet, o importante é que os assistidos não deixem de votar.
A escolha do Diretor Financeiro é a garantia que nós, assistidos, temos, da melhor qualidade possível para a gestão da Eletros, num momento em que a nossa fundação, a exemplo de todas as demais, depara-se com uma conjuntura econômica adversa.
Não deixem de votar.


A ELETROS PRECISA DE NÓS
NÓS PRECISAMOS DA ELETROS

Agenda

APEL Notícias nº 157 Maio/2019


Calendário

Agosto
D S T Q Q S S
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31
 

Dia 23 Confraternização Aniversariantes - Mai/Jun/Jul/Ago

Tráfego

Temos 155 visitantes e Nenhum membro online

publicidade 3